Bem vindo André


Estava dificil, mas chegou!

Estavamos com o pensamento no dia 4, para que o aniversário da m~e tivesse a melhor prenda, mas chegou 2 dias antes e assim, ficamos com um dia de descanso entre as festas 🙂

Nesse dia as contracções estavam irregulares, mas com o decorrer do dia passaram para cerca de 5 a 8 minutos de intervalos… estava um dia cinzento e com chuva pelo que a vontade de sair de casa não era muito, mas a S. só queria dar à luz pois a barriga estava enorme e muitos dos movimentos “normais” eram difíceis de concretizar com sucesso.

ao inicio da noite (apesar de ser dia ainda até às 22h30), as contracções diminuiram de espaçamento e cada vez eram mais fortes, ou seja, toca a chamar a N. que veio de comboio e autocarro para fazer de babysiter com a C. que já estava deitada e a dormir.

Assim que a N. chegou, lá fomos nós para o Hospital!

à entrada de um dos edificios do Hospital
à entrada de um dos edificios do Hospital

Chegámos eram cerca das 21h30 e lá fomos nós, onde nos já esperavam (pois aqui telefonamos primeiro a avisar afim de terem uma equipa de enfermeiras para nós e não nos faltar nada), mediram a dilatação e a S. já tinha 6cm… ou seja, era HOJE!

ouvimos o coração do bebe para verificar alguma anomalia ou problema e tudo estava bem, estava na posição certa e prontinho a dar-nos alegrias 🙂

Tal como a C. a S. escolheu dar á luz na água, e lá encheram a “piscina” com água quentinha e voilá!

Dentro de água
Dentro de água

As contracções dentro de água, diz a S., são menos dolorosas e mais fáceis de aguentar, pelo que estava toda feliz da vida… mas lá de vez em quando, vinha uma contracção que quase a fazia sair do sério.

Dor de mãe
Dor de mãe

Mas faltava pouco! Muito pouco mesmo!

Quando sentiu vontade de fazer força, as enfermeiras estavam a postas e ajudaram a S. a dar à luz o meu filho! …ok, o nosso 🙂

Saiu da barriga da mãe direitinho e depressa, mas nos segundos seguintes ele pensava que ainda estava dentro no quentinho

Sopram-lhe e esfregaram-lhe as costas para ele ver que já não estava lá dentro, cortaram o cordão umbilical e deram-lhe oxigénio para que começa-se a respirar por ele próprio … começou a tossir um pouco de liquido e abriu as goelas a chorar !!!

…vieram-me as lágrimas aos olhos, pensei que, como já conhecia a C. e vi tudo, não o iria fazer, mas a emoção de ver o nosso filho a chorar pela primeira vez, é fantástica!

A seguir foi o sentir o peito da mãe e as canções do pai para se sentir mais calmo, ao contrário da C. que demorou quase 3 dias a amamentar  ele assim que sentiu o mamilo nos lábios logo logo começou a papar 🙂

e depois de papar tudo deu para a mãe olhar para ele como deve de ser… e vieram pequenas brincadeiras com as maozinhas

Felicidade
Felicidade

o André nasceu no dia 2 de Agosto às 23:35, pesava 4.030 gr e media 55 cm.

10 thoughts on “Bem vindo André

  1. Olá,

    É a primeira vez que escrevo, moro no Brasil e achei seu BLOG, por acaso.

    Vocês tem uma familia muito bonita, a C é a coisa mais linda desse mundo e o André tão pequeno e fragil, mas tenho certeza que será um grande homem.

    Que o Poderoso DEUS e nosso Senhor Jesus Cristo abençoe a cada dia mais a vida vocês.

    Abraços!!!

  2. Boas Alexandre,

    Muita saúde é o que eu desejo. Força aí com o novo rebento que por sinal tem o nome do meu pai 🙂 e… que não seja muito chorão eheh. Adivinham-se tempos difíceis por aí… 🙂

    Grande abraço para ti e para os teus.

    P.S. este sim era o post que queria comentar

  3. Muito obrigado Alfredo, não tem sido nada chorão, ao contrário da C. para nossa surpresa, acorda 3 vezes por noite, e só para comer ou “dizer” que está “sujo”…

    …uma maravilha 🙂

    Miss Portugal, um muito obrigado e adoro o teu blog, vou lá começar a ver 🙂 tens uns gémeos …. tão lindos 😀

    a S. diz que tbm gostava de ter gémeos … talvez daqui a 3 anos, eheheh

  4. Olá a todos,

    Parabéns aqui da Madeira. Não via a hora desse bebé nascer. Como cresceu rápido essa família. Leio-vos desde 2008 e fico feliz por poder partilhar os vossos bons momentos.

    Continuações de dias felizes.

    Bjs

    Cátia

  5. e eu toda babada….. já andava nas nuvens com a minha bichinha, agora não há quem me ature. É assim é o circulo da vida… que os frutos dos nossos frutos sejam ainda melhores e mais saborosos!!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s